Conheça o Fórum Pequeno Negócio de Alagoinhas

738 0
738 0

O entrevistado desta semana do site Newsinfoco é José Santos Santana, ele que é presidente do Conselho Municipal de Inclusão Digital (CEMID), vice-presidente do Conselho Municipal de Desenvolvimento Sustentável (CMDS), vice-presidente da Associação dos Diabéticos de Alagoinhas (ADIA), Diretor de Marketing da União das Associações de Moradores de Alagoinhas (UAMA) e criador do Fórum Pequeno Negocio. Nossa equipe foi até a Casa da Cidadania para entrevistar José Santana e saber um pouco mais sobre o trabalho do Fórum Pequeno Negocio. Saber como surgiu, quais as realizações e propósitos desse fórum, a relação com o poder publico municipal, enfim. Saber tudo sobre esta bela iniciativa. Enquanto o “ex-site da credibilidade” noticía para os políticos e para a elite, o site NewsInfoco firma sua parceria com o povo de Alagoinhas, mostrando todas as ações e movimentos que estão sendo criados para melhorar, cada vez mais, a vida dos alagoinhenses. A partir de agora você acompanha essa entrevista exclusiva concedida ao site NewsInfoco:

Newsinfoco: Jose Santana, o que é o Fórum Pequenos Negócios?

Santana: O Fórum Pequenos Negócios, ele surgiu da necessidade de discussão de propostas coletivas para os negócios informais, micros e pequenos negócios em Alagoinhas. Por isso surgiu o fórum, porque as entidades, hoje, já existem como as forças empresariais que são compostas pela CDL, ACIA, SICOMERCIO. Por outro lado, representando segmentos sociais temos a UAMA, UARA, o SITRAF, COPAMA e o poder público que aqui é representado pela Prefeitura de Alagoinhas. O que queremos com o fórum é aglutinar essas entidades em busca de um objetivo comum que é a geração dos micros e pequenos negócios para Alagoinhas, pois, hoje, a gestão municipal, apenas foca nos grandes negócios.

Newsinfoco: Quais são os maiores problemas enfrentados para aquele que quer ter o seu próprio negocio ou aqueles que já são pequenos empresários?

Santana: Nesses dois meses e pouco que começamos a discutir sobre os problemas dos micro e pequenos negócios, um problema que vimos é sobre a legalização do negócio.  São diversos lugares que tem que ir para legalizar, é muita burocracia. Outra dificuldade é a questão da capacitação do microempreendedor, pela falta de informações as pessoas às vezes tem dificuldade, pois não se planejam para tal e acabam falindo pouco tempo depois. Outra questão é a do microcrédito, pois há uma dificuldade por parte dos microempresários de conseguirem empréstimos junto aos bancos.

Newsinfoco: Como foi a recepção do poder público municipal às ideias do Fórum Pequenos Negócios?

Santana: Nesses momentos citados anteriormente, fizemos contatos e surgiram várias propostas, transformamos isso num ofício, encaminhamos esse ofício ao prefeito no dia 2 de fevereiro, e nesse momento ele pediu as propostas das secretarias e algumas secretarias enviaram, como a de agricultura, de meio ambiente e desenvolvimento econômico, a da fazenda. Citamos outras secretarias, mas algumas não participaram. O prefeito gostou das propostas do fórum e pediu para que a gente se articulasse com as secretarias citadas no oficio.

Newsinfoco pergunta: Quais os planos do Fórum Pequenos Negócios para os próximos meses?

Santana: Nós queremos reafirmar a proposta do fórum junto às entidades, as quais convidamos, e queremos que mais entidades participem desse projeto. Queremos cobrar as ações de quem é responsável e saber dos candidatos a prefeito nestas eleições, quando definirem-se os nomes, quais serão suas propostas para o segmento do micro e pequeno negócio. Vamos procurar intervir solicitando das entidades para que o pessoal apresente propostas e para que compartilhemos essas propostas com as pessoas.

Newsinfoco: Para finalizar, deixe uma mensagem para o pessoal que espera do Fórum Pequeno Negócio ações que venham a melhorar a situação das pessoas que dela necessitam.

Santana: Agradecemos a vocês do site Newsinfoco pela oportunidade de nós falarmos um pouco desse assunto do Fórum. Digo às pessoas que não desistam, para quem está pensando em montar seu negócio que não desista do seu sonho, pois os pequenos negócios, hoje, são os maiores empregadores do Brasil, mesmo com a crise no país. Muito obrigado.

Compartilhe
In this article

Join the Conversation

+
+