Exclusivo: Anderson Baqueiro, superintendente da SMTT de Alagoinhas, se defende das acusações de vereadores

1103 1
1103 1

O entrevistado dessa semana atende aos vários leitores do NewsInfoco que há tempos pediam incansavelmente uma matéria sobre aquele a quem compete comandar uma Superintendência que é vital para a Prefeitura de Alagoinhas. O órgão em questão é a Superintendência Municipal de Transporte e Transito de Alagoinhas (SMTT) e o entrevistado de hoje é o superintendente Anderson Baqueiro. Antes de começarmos a entrevista é bom falarmos um pouco do entrevistado. Anderson Baqueiro é filho de Alagoinhas, cursou o 1º e 2º grau na cidade, posteriormente entrou para o curso Direito em Salvador, fez ainda o curso de oficial da PM, onde ingressou em 2002. Como oficial da PM trabalhou em Salvador, depois volta para Alagoinhas, para o 4º BPM, onde ficou responsável pelo comando de Inhambupe e Sátiro dias. Aqui na cidade de Alagoinhas termina a faculdade de direito. Nesse período, teve a oportunidade de trabalhar no governo Paulo Cezar, foi convidado a assumir a SMTT, convite que aceitara prontamente. Está à frente da Superintendência Municipal de Transporte e Transito desde o final de 2011, tendo o desafio de trabalhar o trânsito e o transporte numa cidade em visível crescimento como Alagoinhas, sempre, segundo ele, buscando trabalhar pensando no futuro e em melhorias. Recentemente foi alvo da ira de vereadores, inclusive da base governista, que o acusaram de utilizar a superintendência para fazer politica, além de reprovarem os resultados do órgão no que concerne a administração do transporte e trânsito da cidade. Com uma trajetória vencedora, em meio ao fogo amigo de uma base governista cada vez mais rebelde, ele recebeu a equipe do site NewsInfoco em seu gabinete respondendo as nossas perguntas com uma tranquilidade e serenidade ímpar. O resultado desta entrevista você acompanha a partir de agora:

NEWSINFOCO: Quais são as competências da SMTT?

A competência legal da SMTT está elencada bem claramente no Código de Transito Brasileiro (CTB). A SMTT é uma autarquia municipal de trânsito e transporte, temos como responsabilidade a fiscalização, as politicas municipais e a parte da orientação e educação para o trânsito. Na parte do transporte ficamos também responsáveis por projetos, melhorias, avaliações e fiscalizações da área, enfim, tudo que compete ao município hoje, conforme o CTB, a SMTT de Alagoinhas já vem aplicando.

NEWSINFOCO: Qual a infraestrutura que conta hoje a SMTT para desenvolver seu trabalho?

Nós, hoje, contamos com 33 agentes de trânsito, eles são praticamente os nossos braços nas ruas, na fiscalização, trabalham em turnos, inclusive em março estaremos inaugurando o plantão 24 horas no regime de trabalho, o que nunca existiu no órgão, e estaremos fazendo isso por conta das necessidades do dia-a-dia. Temos também o corpo administrativo que é dividido em 4 diretorias: a diretoria administrativa e financeira, a de trânsito, a de transporte e a de infraestrutura que fazem, na verdade, tanto a parte de execução quanto a parte de gestão das ações de cada setor.

NEWSINFOCO: É verdade a denúncia de alguns vereadores de que o senhor faz da SMTT um ponto de apoio para sua campanha eleitoral?

Na verdade é até surpresa de nossa parte, surpresa do órgão, dos servidores, que estamos aqui no dia-a-dia, estar ouvindo e obtendo esses comentários de que fazemos da SMTT palanque eleitoral. Primeiro que as ações da autarquia, SMTT, são extremamente pautadas e baseadas na lei, temos planejamentos que são feitos no ano anterior e quem delimita e determina essas politicas é o governo municipal, são ações de governo. O prefeito Paulo Cezar sempre acompanha esse planejamento, seja para colocação de abrigos, dos locais que vão ser delimitados, até porque as necessidades de nossa cidade são muito maiores do que a gente tem para oferecer, então precisamos ter esse cuidado, ter ações bem feitas e planejadas para que a gente possa atender o maior número de pessoas com o menor recurso possível. Eu acho que a gestão pública é isso, é conseguir atender com o menor recurso possível o maior número de pessoas, seja na zona rural ou urbana, e o órgão não está aqui apto para denúncias vazias, apto para denúncias eleitoreiras, até porque nesse momento nem se fala em candidatura política, na verdade, hoje, quem exerce qualquer cargo, seja político ou outro cargo público, não há nem de se falar em candidatura e sim em pré-candidatura. Então, muito me entristece esse comportamento de alguns vereadores. Eu já observei que não é só com a SMTT essas criticas deles, é também em outras secretárias, porque vão sair pré-candidatos de outras secretarias, até para concorrer ao cargo de prefeito e eles talvez estejam temendo a concorrência. Então para essas denúncias vazias, vagas, as quais já tomamos conhecimentos, eu digo que o que for de competência da SMTT será feito uso das ações legais que estiverem à disposição e de minha parte, no que tange a essas acusações, que são infundadas e não tem nenhum embasamento legal, tomarei as devidas providencias legais que estão ao meu alcance. O órgão SMTT está à disposição dos vereadores, a disposição da comunidade como sempre tivemos. E esse movimento político, eleitoreiro, não contribui em nada para o crescimento de nossa população, nem do órgão, portanto repudiamos essas acusações sem embasamentos e estamos à disposição para qualquer tipo de esclarecimento que apareça, até porque prestamos conta de nossos atos e ações para sermos avaliados pela população.

NEWSINFOCO: O vereador Antonio Carlos (Cabeça) afirmou em sessão na câmara de vereadores: “é uma vergonha tanta multa, tanta sinaleira quebrada, faixas mal pintadas e a cidade com um trânsito caótico”. O senhor sente que tem falhado em suas atribuições?

As demandas do trânsito são constantes. Se eu disser que uma sinaleira em Alagoinhas não quebra, estarei sendo leviano, claro que quebra. Ali é uma máquina, um equipamento que precisa de manutenção diária. Agora, toda vez que um equipamento eletrônico tem algum problema, uma pane, a nossa equipe vai e faz o conserto, faz a manutenção de imediato. Até parece que o vereador mora em outra cidade. Dizer que em Alagoinhas o trânsito é caótico?! Alagoinhas não tem problema de engarrafamento, o único trabalho que estamos fazendo para evitar um problema futuro maior é sobre estacionamento e que ai sim a gente pede a participação dos vereadores, participação positiva e proativa. Tem que haver a discussão sobre transporte público, o prefeito já autorizou e estamos fazendo o edital de licitação para o transporte público, também já passou pelo Conselho a lei da zona azul e já estamos encaminhando para a Câmara de Vereadores para que seja feita a votação dessa lei que é de interesse da comunidade. Eu acho que a política tem que ser usada para o bem, para a gente conseguir as melhoras e encontrar as soluções, não para acusações levianas que não leva o vereador a lugar nenhum.

NEWSINFOCO: O vereador Edilon disse em sessão da Câmara de Vereadores que a SMTT não fiscaliza os motoristas de vans que circulam na cidade, ele se referia as vans que vem de outras cidades. Por outro lado, a população tem se queixado da fiscalização por parte da SMTT no que concerne a fiscalização ônibus coletivos da cidade. Afinal a SMTT fiscaliza realmente o transporte da cidade? Há algum tipo de “acerto” entre a SMTT, as empresas de ônibus e os motoristas de vans das outras cidades?

Na verdade, vamos fazer um comparativo aqui. Alagoinhas, hoje, tem uma frota de mais de 60.000 veículos entre os da cidade somado aos que vem de fora. Se for fazer um calculo é fácil observar, é mais de 60.000 veículos para que 33 agentes fiscalizem, a realidade do órgão é essa.  Temos um efetivo diminuto em comparativo a essa grande frota. As fiscalizações são feitas de forma constante, seja no transporte alternativo, como o vereador cita que não ocorre, como digo sempre não adianta fazer acusações levianas sem ter a realidade dos fatos, gostaria, inclusive, de convidar os vereadores para passar um dia aqui de plantão para ver como é o nosso trabalho, convidá-los para ir pra viatura e entenderem de que maneira é feito a fiscalização. Seja em taxi, transporte alternativo, coletivo, temos, não só isso, mas toda a frota de Alagoinhas, todos os segmentos para fiscalizar e a gente fiscaliza dentro das condições do órgão. Quanto à fiscalização dos ônibus, eles dependem da vistoria do INMETRO para que aquele ônibus possa ter o selo de liberação para rodar. Sabemos que nossa frota não é uma frota nova, por isso sabemos dos reclames da população, entendemos que não são veículos em conformidade para atender bem o povo. A preocupação com o transporte nós temos desde que ingressamos no órgão e o prefeito vem acompanhando. Conseguimos, na verdade, que esses estudos sejam colocados no papel e faremos a licitação do transporte público para melhor atender a comunidade.

NEWSINFOCO: O vereador Arão pediu uma instalação de um CPI para investigar a SMTT. O senhor teme a instalação dessa CPI?

Isso me deixa extremamente insatisfeito, desapontado, algumas posturas de alguns vereadores que vem fazendo acusações levianas com a proposta da CPI. Queria dizer, inclusive, em resposta ao vereador, que a SMTT não tem nenhum tipo de problema em que se instale CPI, só queria que o vereador elencasse quais são as irregularidades, porque eles só citam ações pontuais de fiscalização, nós não estamos aqui para brincar, aqui fazemos um trabalho sério, se o vereador Arão tiver problemas pessoais comigo, Anderson Baqueiro, que ele sente e trate dos assuntos pessoais, agora, ele, não venha a citar a instituição que é muito maior que a mim e ele. Se hoje estou superintendente e ele está vereador, a instituição, ela permanece ao longo da vida, se ele tiver algum problema comigo, que sente e resolva nos tramites legais, mas não admito acusações levianas, sem fundamentos que ele vem levantando. Esses problemas me entristecem, até porque, vem de um vereador da base do governo.

NEWSINFOCO: Alguns leitores do NewsInfoco, a pedido nosso, nos enviaram perguntas para serem feitas ao senhor. Um dos nossos leitores pergunta: Por que, nos momentos de mais movimento não se tem agentes nos locais de maior fluxo para conduzir o trânsito?

Na verdade as pessoas quando passam por um tipo de dificuldade, questionam por que não tem um agente no local para auxiliar o trânsito, mas partindo para uma questão macro, imagine, temos 4 viaturas na cidade para atender tudo, como registro de acidente de trânsito, o registro de acidente com vitima, que precisa fazer ocorrência na delegacia, às vezes, quase todas estão empenhadas nisso simultaneamente, então gostaria muito de ter aqui 20 viaturas só pra fiscalizar o trânsito, colocar um agente em cada esquina da cidade, mas infelizmente não temos condições nem humanas, nem de estrutura para fazer esse trabalho que outrora a Policia Militar já fez, inclusive, também a PM tem seus problemas nessa questão de estrutura para realizar esses serviços, lembrando que a competência do trânsito não e só da SMTT, às vezes as pessoas fazem uma reflexão errônea, pois, tem, por exemplo, a 2ª CIRETRAN, a Policia Militar… Então é preciso que todos esses órgãos se unam para atender melhor a população na questão do transito da cidade.

NEWSINFOCO: Outra pergunta vinda de nossos leitores é: Quando a SMTT irá assumir por completo o trânsito da cidade? Principalmente na questão de acidentes com vitimas e na parte da noite.

Na verdade já realizamos durante o dia essa tarefa de registro de acidentes e nesse mês de março já faremos também à noite com lançamento do plantão 24 horas, do registro de acidente com vitimas e sem vitimas também.

NEWSINFOCO: Um outro leitor pergunta: Por que não é divulgado o número de contato da SMTT para o conhecimento do público?

Na verdade nós sempre divulgamos, temos até um site, que é o www.smtt.com.br, que trazemos várias informações sobre programas que vamos ter, e outras ações. Temos dois números fixos que São o 3423-2283/3423-8361 e estamos implantando agora o tridigito que é o numero que a população vai poder ligar em caso de acidentes, tipo o 190, e quando tiver pronto esse serviço, estaremos divulgando para a população, e possivelmente estaremos inaugurando agora em março.

NEWSINFOCO: Agora abrimos este espaço para que o senhor deixe uma mensagem para a população de Alagoinhas.

Quero parabenizar vocês do site Newsinfoco pela iniciativa. É importantíssimo o trabalho de vocês para a cidade, jornalismo e informação são muito importantes, é preciso informar a população e quero dizer que a SMTT é uma instituição nova, criada em 2006, e desde que estou à frente da instituição vi que ela cresceu muito, seja com aquisição de novas viaturas, as novas regulamentações que estamos fazendo, como a dos moto-táxis, vamos ter a licitação do transporte publico, a zona azul, a estação de transbordo de vans no centro que será inaugurada em breve, enfim, o município vem crescendo e acompanhamos isso para antecipar as ações. Alagoinhas tem 14 pontos semafóricos, só em nossa gestão colocamos 10, e os 4 que são os mais velhos em breve faremos a substituição. Então buscamos fazer um trânsito melhor para nossa cidade. Sabemos que a nossa função básica é a educação no trânsito e que a parte de fiscalização é a que mais incomoda, os agentes não podem se omitir a esse papel. Dou a dica para que as pessoas usem o trânsito de maneira responsável, respeitando o limite do outro e a SMTT sempre está buscando esse desenvolvimento. Eu estarei me afastando para o período eleitoral, onde vou concorrer a vereador e deixarei esse cargo de superintendente, mas o prefeito e sua equipe já estão trabalhando para indicar um bom nome para o órgão e que não pare de crescer a SMTT.

 

Compartilhe
In this article

Join the Conversation

1 comment

  1. Gil Responder

    Muito bom Anderson Baqueiro!! Você faz um ótimo trabalho na SMTT.
    Tamos junto nessa sua nova jornada Alagoinhas precisa de pessoas como você na câmara de Veriadores.

+
+