Poesia – Por Lázaro Machado

809 2
809 2

lazaro 2Lázaro Machado de Carvalho, 25 anos, filho de Edineide Machado de Carvalho, natural do Pé de Serra: Uibaí-BA. Apaixonado por Literatura e Artes, participou de vários recitais no Grêmio Cultural Voz do Povo – Uibaí-BA, além de compor e recitar diversos poemas de sua autoria e de autores brasileiros. Atualmente, cursa Direito na Faculdade Regional da Bahia – UNIRB em Alagoinhas-BA. Alguns poemas de sua autoria: Amizade; Mais que um Amor uma Utopia; Dias efêmeros do Pobre, entre tantos outros.

A poesia

 

A poesia pode estar no desencanto ou no encanto,

Pode estar no sossego, no desassossego e na dor.

A poesia pode estar na paixão, no ficar ou no amor.

A poesia não tem rumo certo, pode estar na rua ou em qualquer canto.

 

A poesia não é humildade, nem solenidade, nem desencanto,

Poesia não tem falsidade, só tem a verdade e a dor.

A poesia é espontânea, é a verdade na alma que explode o calor.

A poesia é vasta como o universo e se explode em partículas de encanto.

 

O pensamento do poeta se concentra para espalhar encanto,

A vida se completa, mas nunca se contenta e se transforma,

Porque a poesia é a alma do poeta, que é inquieta.

 

A poesia é uma arte e não uma etiqueta,

E o poeta é um artista do cotidiano que acompanha a transformação,

E a cada etapa destas passagens faz palavras, sentimentos e dores virar encanto.

Compartilhe
In this article

Join the Conversation

2 comments

  1. Henrique Borges Machado Lima Responder

    Sucesso, camarada.

    1. Lázaro Machado de Carvalho Responder

      Obrigado, Henrique!

+
+