Audiência Pública discute situação dos rios na Bahia nesta quinta-feira (08)

50 0
50 0

Atualmente em um dos períodos de seca mais severos de sua história recente, a situação dos rios na Bahia será tema de uma audiência pública que acontecerá na próxima quinta-feira (08), a partir das 8h30, no auditório Jorge Calmon, na Assembleia Legislativa da Bahia. Promovido pelos deputados estaduais Joseildo Ramos (PT), Marcelino Galo (PT) e Fátima Nunes (PT), em parceria com o Observatório do Saneamento Básico da Bahia, o evento discutirá a necessidade de preservação e revitalização dos mananciais, envolvendo a situação atual da crise hídrica que afeta a região e os investimentos que o Governo do Estado tem feito para garantir o abastecimento da população baiana.

Membro da Comissão de Meio Ambiente da ALBA, o deputado Joseildo Ramos acredita que a situação precisa ser discutida com urgência, e que, embora não exista uma “receita pronta”, é necessário educar, envolver e contar com a colaboração da população no âmbito da preservação ambiental. “Os rios estão morrendo e, historicamente, aquilo que está sendo investido não é equivalente à grandeza das bacias hidrográficas em nosso estado. É importante que a gente compreenda esse tema como parte da nossa própria sobrevivência”, afirmou.

Para o deputado Marcelino Galo, coordenador da Frente Parlamentar Ambientalista da Bahia, o debate representará um passo importante para que a sociedade se aprofunde no processo e, junto com o poder público, tome medidas que garantam a conservação dos recursos naturais. “Esse será mais um evento muito importante, visto que a água é um bem comum fundamental à vida. Cuidar da água é cuidar do saneamento básico, é preservar as florestas, nossos rios e seus afluentes e também nossos biomas, porque água não nasce em barragem”, enfatizou.

Também propositora do evento, a deputada Fátima Nunes ratificou a necessidade de envolver a população no contexto da discussão. “Essa é a responsabilidade de cada um de nós: zelar, preservar, cuidar, combater as desigualdades e os desperdícios, para que tenhamos um planeta que nos permita vida longa e saudável”, declarou a parlamentar.

O evento contará com representações de órgãos como a Secretaria de Meio Ambiente do Estado, Ministério Público, Inema, Sindae, Senge, Crea-BA, ABES, CNBB, CERB, OSB-BA, Grupo Ambientalista da Bahia – GAMBÁ, CUT, MST e Comitê de Bacias.

Fonte: Ascom dep. Joseildo Ramos

 

Compartilhe
In this article

Join the Conversation

+
+