Eike Batista é condenado a pagar multa de R$ 21 milhões

31 0
31 0

A Comissão de Valores Mobiliários condenou o empresário Eike Batista ao pagamento de uma multa de 21 milhões de reais por insider trading na venda de ações da OSX, braço naval do Grupo X.

O advogado do empresário já afirmou que irá recorrer da decisão.

Em abril de 2013, pouco mais de 9,9 milhões de ações ordinárias da companhia foram vendidas, um mês depois da empresa anunciar que faria uma revisão de seu plano de negócio.

De acordo com a decisão da CVM, Eike teria informações privilegiadas de que a revisão aconteceria e, com isso, teria sido beneficiado com a venda dos papéis.

O julgamento do empresário retornou nesta terça-feira, 13, depois de ter sido suspenso por um pedido de vista na sessão de 25 de abril. O relator do caso, Henrique Machado, votou pela condenação de Eike ao pagamento de multa e inabilitação por cinco anos.

O processo contra o empresário por crime contra o mercado de capitais foi aberto pela CVM em 2013. Em janeiro, o empresário foi preso e pagou fiança de 52 milhões milhões para seguir em prisão domiciliar.

Fonte:Exame
Compartilhe
In this article

Join the Conversation

+
+