TRT-BA gastou mais de R$ 1 milhão de reis em diárias

0

Segundo informações da equipe da Corregedoria-geral da Justiça do Trabalho, o Tribunal Regional do Trabalho da Bahia (TRT-BA) gastou, nos primeiros seis meses de 2018, mais de R$ 1 milhão em diárias para servidores, juízes e desembargadores. Os dados mostram que a correição na Corte nesta semana, entre janeiro e junho deste ano o tribunal despendeu a importância de R$ 1.183.806,94.

Dados disponíveis no site do TRT-BA apontam que as diárias foram pagas para a realização de cursos, participação de eventos como a posse da nova mesa diretora do Tribunal Superior do Trabalho, em Brasília, correição em varas do interior, cobertura de férias de juízes titulares e fiscalização de obras em fóruns trabalhistas baianos.

O maior valor foi pago a um juiz que atuou em Ipiaú por sete vezes nos últimos seis meses. Ao todo, foram 51,5 diárias pagas, que lhe renderam R$ 24.371,85 a mais. O valor total foi pago pelo TRT-BA entre maio (R$ 8.431,56) e junho (R$ 15.940,29). Já um servidor recebeu cerca R$ 16.966,95 por ter passado 61 dias seguidos, também em Ipiaú, para “executar serviço de segurança preventiva em favor do juiz da vara do trabalho, bem como aos servidores ali lotados”. Um outro juiz, que atuou durante as férias de juiz titular de Paulo Afonso, recebeu R$ 8.641,67 por 19,5 diárias.

 

fonte:Bahiaeconomica

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *