Prefeitura atende pedido de presidente da CCJ e envia novo projeto de solicitação de empréstimo à Câmara de Alagoinhas

0

Na sessão legislativa desta terça-feira(09) a prefeitura de Alagoinhas pediu a retirada do primeiro projeto que pedia autorização da Câmara de Vereadores para contrair um empréstimo no valor de 35 milhões junto a CAIXA.

De acordo com o governo municipal os recursos serão utilizados em obras de requalificação, pavimentação, drenagem e construção de equipamentos de lazer na sede do município. Segundo a prefeitura, as obras contemplarão 57 ruas das localidades do Barreiro, Vila Marçal, Cruzeiro dos Montes, Jardim Petrolar, Baixa da Candeia, Catu, Alto da Cruz, Vale de Santa Terezinha, Centro, Santa Maria e Mangalô, totalizando 89.277,62 m² de pavimentação asfáltica e implantação de 8.301,95 m de rede de drenagem. A solicitação do empréstimo também contempla a construção de uma praça no Largo do Barreiro com equipamentos de lazer.

O projeto havia sofrido diversas críticas da oposição e do presidente da Comissão de Constituição e Justiça(CCJ) da Casa, o vereador da base, Juracy Nascimento. Ele classificou o projeto como uma ‘excrecência’ por não conter informações detalhadas sobre a destinação dos recursos. Porém, ele pontuou que caso a administração municipal fizesse as devidas adequações, poderia rever o seu entendimento.

No dia de hoje a prefeitura enviou um novo projeto à Câmara de Vereadores de Alagoinhas contendo mais duas laudas constando os logradouros que serão beneficiados com as obras e um anexo contendo informações de cunho economico/financeiro sobre o projeto proposto.

Na oportunidade foi lida o pedido da prefeitura de retirada do primeiro projeto, já na sessão da próxima quinta-feira(11) será lida pelo presidente Roberto Torres o novo projeto, quando então seguirá para analise da CCJ. Caso a comissão dê o parecer favorável, o projeto vai à plenário para a votação. Para ser aprovado, é necessário a maioria absoluta, ou seja, 9 votos.

Por Caio Pimenta para o News Infoco

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *