Apesar da acusação de ser contra reforma, Rui Costa liberou voto de bancada baiana

0

Apesar da crítica de adversários como o deputado federal Arthur Maia (DEM), ex-relator da reforma na Câmara dos Deputados, de que boicota as mudanças na Previdência, o governador Rui Costa (PT) praticamente liberou sua bancada para votar como quiser a matéria, na reunião que teve com a bancada baiana de sua base de apoio ontem.

“O governador foi extremamente elegante, não pediu voto a ninguém (a favor nem contra a reforma)”, disse um dos deputados que participaram do encontro, ao qual faltaram pelo menos 10 aliados, entre os quais a presidente do PSB baiano, Lídice da Mata. Segundo disse o governador na reunião, a reforma do ministro da Economia, Paulo Guedes, não ajuda em nada a Bahia, porque economiza apenas R$ 47 milhões por ano ante um déficit de mais de R$ 4 bi. Seria, nas palavras de Rui, segundo relato dos deputados, “uma economia muito pequena para o tamanho do desgaste”.

O grande problema da Previdência da Bahia, como de outros estados, também segundo o governador, são os militares e os professores, no qual a proposta do governo não mexe. Rui deixou claro que o que pode ajudar a Bahia são as mudanças na Lei Kandir e na do pré-sal, que fazem parte da reforma tributária e não da previdenciária.

Politicalivre

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *