Devido às fortes chuvas, Prefeitura decreta situação de emergência em Alagoinhas

0

Após as fortes chuvas que atingiram Alagoinhas e outros municípios baianos, nos últimos dias, a Prefeitura – que mobilizou uma força-tarefa de atuação às áreas afetadas pelo volume de água – decretou em situação de emergência localidades do município.

Só nos primeiros dias do ano choveu mais da metade do que se esperava, em média de precipitação, para o mês todo, em Alagoinhas. De acordo com dados do Instituto Nacional de Meteorologia, foram quase 70mm de água acumulados entre os dias 1° e 2 de janeiro de 2020, resultado de precipitações que ultrapassaram significativamente a média prevista para o período.

Considerando a necessidade de mobilização de todos os órgãos e entidades da Administração Municipal para prestar assistência às pessoas atingidas e a adoção de medidas reparadoras, bem como da atuação conjunta e complementar de órgãos e entidades, a Prefeitura decretou estado de emergência pelo prazo de 180 dias.

Em alerta, o município mantém as ações emergenciais, com limpeza, retirada de sedimentos, intervenções com hidrojato, desobstruções de bueiros e galerias, além de sucção nas regiões afetadas e análise técnica dos locais. Mais de 80 profissionais da Secretaria de Infraestrutura (SECIN), da Secretaria de Serviços Públicos (SESEP), do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE)  e da Secretaria Municipal de Assistência Social (SEMAS) seguem em campo, mobilizados para minimizar os transtornos causados pelas chuvas.

Contatos emergenciais
Além do trabalho de contingência em diferentes trechos, a Secretaria Municipal de Serviços Públicos (SESEP) e o Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) disponibilizaram contato para situações de emergência. Pelo aplicativo (WhatsApp), basta enviar uma mensagem para (75) 98180-4500.
SESEP – (75) 99859-9568 / (75) 9803-7239
SAAE – 0800 702 7065 / / (75) 3403-7760
Bombeiros –
 193
Ouvidoria –
 156

Obras de prevenção a alagamentos
A varrição das vias e o trabalho de manutenção e desobstrução das redes de drenagem e de canais não impedem que, durante fortes pancadas de chuvas, pontos de alagamento apareçam. Para resolver a situação de forma definitiva, estão em andamento as obras do Sistema de Macrodrenagem da Poligonais, que beneficiarão trechos desde a Dantas Bião até Santa Terezinha. Nesse sentido, também já está em andamento a Macrodrenagem da Cavada. Juntas, as intervenções históricas somam um investimento de mais de R$ 18 milhões de reais.

                                            SECOM ALAGOINHAS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *