Instrumento eficaz de gestão pública, Ouvidoria de Alagoinhas completa quadro de certificações da OGU

0

Figurando entre uma das ouvidorias mais ativas do estado da Bahia, Alagoinhas inicia 2020 completando em totalidade o quadro de certificações disponíveis pela Ouvidoria-Geral da União (OGU). O ouvidor municipal, David Ribeiro, é o único representante – entre todo o estado – que concluiu todos os encontros e cursos, alcançando a certificação em Ouvidoria concedida pela OGU, da Controladoria-Geral da União (CGU), em parceria com a Escola Nacional de Administração Pública – diploma que atesta os conhecimentos técnicos em ouvidoria do gestor.

Foram horas de dedicação ao aprimoramento dos serviços e dos canais de diálogo com a população seguidas de 8 módulos do programa, que incluem tratamento de denúncias e manifestações, controle social, gestão de processos, acesso à informação, aspectos de gestão nas ouvidorias, ética e resolução de conflitos aplicados no contexto das Ouvidorias Públicas.

“Na Bahia, Alagoinhas é a única cidade que tem todos os certificados. Isso evidencia a forma propositiva, com ações pioneiras, e a responsabilidade com que temos conduzido nosso trabalho. Com as certificações, conseguimos absorver a importância da participação popular na gestão pública. Na gestão Joaquim Neto, o povo tem vez e voz. Esse é o diferencial e é com foco nisso que buscamos todas as atualizações do conhecimento. Absorvo muito nas capacitações. Tenho tido experiências fantásticas, em termos de aprendizado, que têm sido colocadas em prática aqui nas ações que desenvolvemos”, afirma David Ribeiro. De acordo com o ouvidor municipal, a aproximação com a OGU permite, aos municípios, dar um salto de qualidade no atendimento às demandas do cidadão.

Em Alagoinhas, além dos canais de manifestação, do atendimento presencial na sede do órgão e do sistema eletrônico de informação ao cidadão, são realizados também programas de Ouvidoria Ativa que se tornaram referência, como o Ouvidoria nos Bairros, o Ouvidoria Kids e o Gabinete de Rua – ações em que o município se desloca até a população para uma escuta efetiva da comunidade.

O aperfeiçoamento das ferramentas para a continuidade do trabalho deve permanecer este ano. A meta, agora, segundo o ouvidor, é modernizar os canais, com ferramentas cada vez mais eficientes no processo de interlocução entre o cidadão e a Administração Pública, a fim de que as manifestações incitem, cada vez mais, a avanços dos serviços públicos prestados à população.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *