Alagoinhas será palco da Caminhada da Paz em fevereiro

0

O vereador Ozeas Menezes esteve no programa Primeira Mão, nesta quinta-feira, 30, para divulgar a Caminhada da Paz, que ocorre dia 8 de fevereiro, a partir da 16h. Com objetivo de contribuir com a redução dos altos índices de usuários de drogas no município, principalmente entre os jovens, a comunidade evangélica convoca toda a cidade para sair do Fórum Ezequiel Pondé até o final do bairro de Santa Terezinha, acompanhados por um trio que contará com cantores gospel como Gisele Nascimento e banda Fogo Puro e com a participação do pastor e deputado Federal Isidório. Alagoinhas, além de figurar entre as cidades mais violentas do Estado, é o terceiro maior local de origem de jovens viciados em drogas sob tratamento na Fundação Dr Jesus. A situação é alarmante, por isso toda essa mobilização visando despertar a sociedade para o grave problema vivido diariamente por centenas de pessoas.

Para Ozeas é importante que nesse dia a comunidade alagoinhense pare para refletir sobre as causas do problema, para tomar consciência de sua dimensão e para buscar em conjunto as soluções. A Prefeitura, apesar de não ter nenhuma política pública específica sobre esse drama social, apoia o movimento e o prefeito Joaquim Neto já visitou junto com pastor Isidório a Fundação Dr Jesus. Alagoinhas ainda não dispõe de um Centro de Tratamento Psicossocial – CAPSIII – direcionado para tratar dependentes químicos. Talvez esse seja o início da mudança que os organizadores do evento pretendam. Ozeas acredita também que a questão das drogas passa pelo fortalecimento da família, da estruturação dos lares e da prevenção à gravidez precoce.

Outro organizador do evento, Allan Mattos, ex-comandante da Guarda Municipal, fez referência à passagem da Bíblia Romanos 12:22: “Não vos conformeis com esse mundo, mas o transforme pela renovação do vosso entendimento, porque assim vocês vão experimentar a boa, perfeita e agradável vontade de Deus”. Com isso, ele demonstra que a transformação social é um dever cristão. Luma Menezes, representante do Instituto Politize, também enfatizou que o uso de drogas decorre de questões relacionadas ao seio familiar, desestruturação e traumas que tiram o jovem da escola e prejudicam seu discernimento da vida. Ela afirma que a marcha tem o objetivo de dizer a esse jovem que ele não está sozinho. Luma aproveitou a entrevista para promover um evento correlato, com o tema “Juventude, Mulheres e Políticas Públicas” com a presença especial da integrante do Politize, a vereadora Loene, pré-candidata a prefeita da cidade de Taubaté, São Paulo, responsável pela palestra da noite, no dia 10 de fevereiro, no Shopping Laguna, nas dependências da Faculdade Unijorge.

Politica

Falando como pré-candidato à prefeito, Ozeas afirmou que conversou mês passado com o prefeito Joaquim Neto e com o secretário de Comunicação e de Governo, Gustavo Carmo, mas que mantém seu projeto de ser o candidato do Avante nas próximas eleições. Ele disse que propostas para integrar uma chapa na condição de vice-prefeito dependem do entendimento com seu grupo político, assegurou, inclusive, estar aberto a qualquer vertente ideológica, tanto à direita quanto à esquerda. Luma, filha de Ozeas, está em busca de ampliar a consciência política entre os jovens, como também a participação da mulher no preenchimento de cargos eletivos. Para ela, existe algo muito errado com o fato das mulheres representarem mais de 50% do eleitorado e ter um percentual tão baixo do gênero em cargos do executivo e do legislativo em todas as esferas, em todo o país.

Veja a entrevista de Ozeas Menezes, Allan Matos e Luma Menezes no Programa Primeira Mão:

Por Paulo Dias para o News Infoco

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *