Presa, ex-presidente do TJ-BA sinaliza ao MPF que pode delatar, diz site

0
Desembargadora Maria do Socorro Barreto Santiago, ex-presidente do TJBA

Presa por venda de sentenças, a ex-presidente do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA), Maria do Socorro Barreto Santiago, enviou recados ao Ministério Público Federal (MPF) de que pode delatar, segundo o blog Radar, da Veja.

A desembargadora foi presa em novembro do ano passado, após decreto do ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ) Og Fernandes. A Procuradoria-Geral da República obteve elementos de que ela estaria destruindo provas e descumprindo a ordem de não manter contato com funcionários do tribunal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *