MPF entra com ação contra a União por falas e ações de Bolsonaro sobre as mulheres

0

O Ministério Público Federal (MPF) entrou com uma ação contra a postura do presidente Jair Bolsonaro e de alguns ministros na maneira como trataram assuntos relativos às mulheres. Segundo o órgão, desde o início da atual gestão, integrantes do governo federal já proferiram uma série de declarações e atos administrativos com um tom preconceituoso e discriminatório contra o público feminino.

Entre outras medidas, o MPF pediu que a União seja obrigada a realizar campanhas de conscientização sobre os direitos das mulheres, o que seria uma forma de reparação dos danos sociais e morais coletivos causados pelas atitudes de Bolsonaro e os auxiliares.

O órgão federal ainda listou os episódios em que Bolsonaro e os ministros faltaram com respeito contra as mulheres. Entre os ministros citados na ação, estão: Paulo Gudes (Economia), Ernesto Araújo (Relações Exteriores) e até a Damares Alves, titular do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *