Marqueteiros temem que “onda Bolsonaro” leve Cezar Leite ao segundo turno em Salvador

3

Enquanto assessores do PT acham que Cezar Leite (PRTB) conseguirá levar a disputa em Salvador para o segundo turno, aliados do pré-candidato do DEM, Bruno Reis, estão receosos quanto ao crescimento do bolsonarista nas últimas semanas.

De acordo com informações do site Politica ao vivo, existe um temor principal entre os apoiadores de Bruno: que a alta na popularidade de Bolsonaro no Nordeste impulsione a candidatura de Cezar em poucos dias.

No Rio de Janeiro, em 2018, na última semana de campanha do primeiro turno, o governador eleito Wilson Witzel (PSC) saiu de último nas pesquisas de intenção de voto e conseguiu ir para o segundo turno somente por causa do apoio do presidente Jair Bolsonaro.

O temor em Salvador, entre articuladores políticos do DEM, é que o mesmo fenômeno ocorra com Cezar Leite.

Além disso, apesar do presidente Jair Bolsonaro ter dito que não participará do primeiro turno das eleições, há a expectativa do vice-presidente Hamilton Mourão (PRTB) desembarcar em Salvador para participar da campanha de Cezar.

Neste caso, o eleitorado bolsonarista poderia passar a apoiar o vereador com o mesmo afinco que apoiou Bolsonaro em 2018. Sem usar fundo eleitoral, Cezar Leite lançou recentemente uma vakinha para arrecadar recursos de campanha. Em uma semana, conseguiu quase R$ 10 mil de 32 apoiadores.

 

3 respostas para “Marqueteiros temem que “onda Bolsonaro” leve Cezar Leite ao segundo turno em Salvador”

  1. Se eu voltasse em salvador meu voto séria dr Cezar leite. Um excelente médico, tive o prazer de trabalha com ele na hemovida ,em alagoinhas ,.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *