Atlético de Alagoinhas vence o Caldense e entra no G4 do grupo A6 da série D do Brasileirão

0

O Atlético de Alagoinhas, depois de estrear perdendo para o Gama (DF) dentro de casa, foi a Poços de Caldas, e não tomou conhecimento dos donos da casa. O carcará aplicou uma goleada de 3 a 0 e assumiu a terceira posição no G4 do Grupo A6 do Campeonato Brasileiro da série D.

Desfalcado de Paulinho, que se recupera de lesão, e de Lucas Alisson, negociado com o Fortaleza, Agnaldo Liz manteve Edson na lateral direita, promoveu a entrada de Leandro Sobral na frente da zaga e do matador Robert no comando do ataque, o que foi suficiente vencer a Caldense por 3 x 0.

O primeiro gol do carcará aconteceu ainda no primeiro tempo com uma roubada de bola de Dionísio que passou com açúcar e com afeto para Robert que não perdoou, e da entrada da área chutou sem chances de defesa para o goleiro adversário, abrindo o marcador.

No segundo tempo, o Caldense voltou pressionando e tentando fazer o gol de empate a qualquer custo. Liz, percebendo que estava perdendo o meio de campo, tirou Jeam, colocou o Tobinha, e tirou o Robert e colocou o Dedeco, dando um pouco mais de velocidade pelo lado, reorganizando aquele setor. Aos 18 minutos, em jogada de Filipinho pela direita, a zaga faz pênalti. Tobinha bate com perfeição para fazer 2 a 0.

Após o segundo gol, Agnaldo Liz coloca Reninha no lugar de Russo e Sobral, cansado, cede lugar à Iran. A partir daí foi só questão de tempo para o Atlético fechar o caixão fazendo o seu terceiro gol em jogada ensaiada através de Dedeco que recebeu de Vitinho para dar números definitivo ao placar.

É preciso destacar que a vitória, em parte, deve ser creditada a boa atuação do goleiro Fábio Lima, que foi muito seguro e fez importantes defesa quando o jogo ainda estava empatado, e principalmente a Leandro Sobral, que se comportou como um verdadeiro maestro dentro de campo. Ele foi eficiente no desarme e competente na armação de jogadas, sendo perfeito na ligação com Dionísio e Vitinho, o que possibilitou o Atlético ganhar o meio de campo e ter maior posse de bola.

O Atlético jogou e venceu com: Fábio Lima; Edson, Mailson, Emerson e Filipinho; Leandro Sobral (Iran), Dionísio, Vitinho (Naian); Jeam (Tobinha), Robert (Dedeco) e Russo (Reninha). Técnico Agnaldo Liz.

O Caldense jogou e perdeu com: Alisson; Lucas Silva, Guilherme e Verrone; Lucas Muffalo, Franklin (Antônio Carlos); Henrique Cavano (Barbosa), Nathan, Guilherme Molina: Marcos Damsceno e Luiz Henrique. Técnico: Marcos Grippi

Com esse resultado o Atlético vai a terceira colocação e na próxima quinta-feira, às 19 horas, no Carneirão, enfrenta o Palmas de Tocantins.

Por José Gomes para o News Infoco

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *